top of page
  • Sindepat Summit

SINDEPAT Summit chega à 5ª edição com recorde de marcas e participantes

Realizado em Foz do Iguaçu na semana passada, evento comprovou que o setor de parques e atrações vive momento de expansão



Com mais de 360 participantes, o SINDEPAT Summit, evento dos parques e atrações do Brasil, promovido pelo SINDEPAT, alcançou seu recorde em participantes e empresas expositoras em sua quinta edição, realizada na semana passada, em Foz do Iguaçu (PR). Foram dois dias dedicados a palestras e painéis, na plenária do evento, e exposição de produtos e serviços, na Área de Exposição, e um terceiro dia voltado para visitas técnicas aos principais atrativos da cidade. A programação deste ano incluiu dois novos ambientes de networking: o coquetel de abertura, na Itaipu Iluminada, no Parque Tecnológico Itaipu; e o coquetel de encerramento, no Parque Nacional do Iguaçu, ambos associados SINDEPAT.

Autoridades como o deputado federal Felipe Carreras, autor do PERSE, e o secretário de Turismo do Paraná, Márcio Nunes, participaram de diferentes momentos do Summit, que celebrou a manutenção do PERSE e seu encaminhamento para sanção presidencial. O presidente do Conselho de Administração do SINDEPAT, Murilo Pascoal, destacou a importância do associativismo para a manutenção do PERSE. “Só conseguimos esse tipo de atuação como fizemos nas mobilizações de Brasília, em defesa do PERSE, de forma organizada, coordenada, e essa é uma das atribuições do SINDEPAT”, disse.

Felipe Carreras elogiou a atuação do SINDEPAT, em conjunto com outras associações de turismo, para apoiar a mobilização. “O PERSE esteve ameaçado e só não foi extinto por causa do associativismo. Foi graças às associações que se uniram para defendê-lo, aceitando o convite para a mobilização histórica que realizamos em Brasília em 7 de fevereiro, que hoje temos algo a comemorar”, lembrou o deputado federal. “Não tenho dúvidas de que este setor gera muitos mais empregos do que outros que têm incentivos fiscais maiores. O PERSE é um programa de incentivos com data de começo e de término. Tenho certeza de que defendê-lo e apostar no desenvolvimento do Brasil.”

 

CONTEÚDOS

A apresentação da 2ª edição do Panorama Setorial: Parques, Atrações e Entretenimento no Brasil foi um dos destaques na plenária do Summit. Entre os dados apresentados pelo estudo, elaborado pela Noctua, SINDEPAT e Adibra, estão o mapeamento de oferta de mais de 750 empreendimentos e faturamento de R$ 8 bilhões ao ano do setor. A pesquisa mostrou ainda que parques e atrações movimentam mercado de 128 milhões de visitantes/ano e têm previstos investimentos de R$ 15,5 bilhões para os próximos anos (o estudo está disponível para download no www.sindepat.com.br).

Dados globais do setor de parques foram apresentados em painel preparado pelos executivos da Bain & Company, consultoria estratégica global. Foram indicadas tendências e insights com o objetivo de apoiar decisões estratégicas dos players brasileiros. Aspecto fundamental da operação de parques, a segurança foi tema de painel conduzido pelos especialistas Bruno Lancetti, da Intamin, fabricante de montanhas-russas; Saulo Carvalho, gerente de Operações do Beach Park; e Tomás Gridi Papp, fundador da Tectom Soluções Verticais. O conteúdo destacou aspectos de segurança em parques aquáticos, em parques secos e atrações e também as normas técnicas em vigor.

Uma das apresentações mais originais desta edição do Summit, as oportunidades que o mundo gaming oferece aos parques e atrações foram destacadas por João Victor Justino Feio, CEO e co-fundador da Hero Base, organização formada por gamers e apaixonados por e-sports criada em 2021. Ele mostrou a experiência de criação de experiências de Metaverso e ativações com marcas e influenciadores dentro do Fortnite, um dos jogos mais jogados no mundo. Avançando para o tema da Inteligência Artificial, Ana Maria Donato, jornalista especialista em promoção de parques e destinos, contou aspectos de como a IA poderá impactar no storytelling, enfatizando a importância de criar significados ao contar histórias.

As aplicações do Revenue Management para parques e atrações também foram tema do Summit, com destaque para o case do associado Hot Beach Parques & Resorts. O potencial turístico dos parques naturais, especialmente por meio de parcerias público-privadas, também foi abordado em painel moderado pela diretora do Instituto Semeia, Renata Mendes, com a participação do secretário da SEPPI/Casa Civil, Andrey Goldner, e do reitor da Escas/Ipê, Claudio Pádua, fundador da Parquetur.

Dois cases foram destaques na abertura e encerramento da programação: o case Foz do Iguaçu e a combinação de entretenimento e hospitalidade, no case do Grupo Tauá Hotéis. A combinação da beleza natural de Foz do Iguaçu a uma dinâmica ampliação da oferta de entretenimento foi apresentada como parte do sucesso do destino, em painel moderado pela diretora executiva do Iguassu CVB e que reuniu Silvana Gomes (PTI/Itaipu Binacional); Pablo Morbis (Grupo Cataratas) e Munir Calaça (Urbia+Cataratas). E o carisma da CEO do Tauá Hotéis, Lizete Ribeiro, animou os participantes a ficarem até o final da última apresentação, conduzida por ela, apresentando um pouco das receitas de sucesso do grupo.

 

LANÇAMENTOS

Tanto a Área de Exposição do SINDEPAT Summit quanto a plenária foram espaços de lançamento de produtos e serviços para o setor de parques e atrações turísticas. Entre eles, esteve o anúncio da parceria entre o Grupo Limber e a Sparky na criação da ferramenta Atrakto. A solução promete colocar o cliente no centro de um modelo que atende as necessidades das empresas, combinando estratégias de UX e UI, novas funcionalidades e práticas que melhorem a performance. “Nossa ferramenta visa oferecer praticidade, autonomia e independência aos profissionais, permitindo que tomem decisões estratégicas baseadas em dados de maneira rápida, simples e eficaz”, conta a co-fundadora da Sparky, Marina Agibert.

Juntos, o Grupo ICD e o canal “São Paulo para Crianças” lançaram a plataforma Fun Pass, apresentada no palco do Summit. Trata-se da primeira plataforma de bem-estar corporativo, oferecendo às empresas a possibilidade de coordenar em uma ferramenta todos os convênios de lazer oferecidos aos funcionários. “Vocês sabiam que 44% das pessoas que pedem demissão fazem isso por não estarem felizes na empresa”, alertou o presidente do Grupo ICD, Henry Hila. Parques e atrações de todo o Brasil podem ser integrados à ferramenta, aumentando a possibilidade de benefícios.

No estande da SpeedKids, a novidade era a primeira montanha-russa aquática que a fabricante de playgrounds deve produzir, a Vector Coast, entrando de vez no mercado de ‘adrenalina’, uma vez que a empresa já tem criado cada vez mais atrações para parques aquáticos. Até o secretário de Turismo do Paraná, Márcio Nunes, que fez breve discurso na abertura do segundo dia do Summit, apresentou novidades, ao anunciar a primeira filial do museu francês Pompidou em Foz do Iguaçu. “O Estado irá financiar a construção, em um terreno próximo ao aeroporto, e depois concederá à iniciativa privada”, disse.   

Nesta edição, marcas de dez países, além do Brasil, participaram como expositoras, com destaque para as empresas Jeff Ellis, dos Estados Unidos, e Sacoa, da Argentina, presentes nas cinco edições do evento. Entre as empresas estreantes, a lista é maior, com a participação das brasileiras Grupo Globo, MSV, Photo Memories, Parks Net, Imaginadora, JL Informática e Sparky, entre outras, além da argentina Argen Juegos.

 

ANUÁRIO

O SINDEPAT entregou a todos os participantes o 1º Anuário SINDEPAT, publicação que reúne as principais novidades do setor apresentadas entre o Summit 2023 e a edição deste ano. A publicação traz artigos e entrevista com o ministro do Turismo, Celso Sabino, além de destacar os principais números da 2ª edição do Panorama Setorial: Parques, Atrações e Entretenimento no Brasil. “Também mostramos no Anuário quem são os associados SINDEPAT, afinal, essa é a melhor forma de nos apresentarmos: somos a soma de todos os nossos associados”, diz a presidente executiva do SINDEPAT, Carolina Negri.

 

HOMENAGEM

Fundador do SINDEPAT, Alain Baldacci, CEO do Wet´n Wild, foi o homenageado desta ano na comemoração realizada nas últimas três edições do Summit, em parceria com a Adibra. O empresário foi homenageado por todo seu trabalho em defesa do associativismo. Além de fundar o SINDEPAT e a Adibra, Alain foi presidente da IAAPA e um dos principais responsáveis pela profissionalização do setor de parques e atrações turísticas no Brasil. Surpresa, a homenagem contou ainda com a participação de familiares do empresário durante o SINDEPAT Summit.

 

NETWORKING

Pela primeira vez, o SINDEPAT Summit incorporou a sua programação a realização de coquetéis de abertura e encerramento. Ambos foram oferecidos e realizados dentro de parques associados: o Parque Tecnológico Itaipu/Itaipu Binacional; e o Parque Nacional do Iguaçu. “Acreditamos ter sido um grande acerto a inclusão desses eventos na programação porque o Summit tem no networking um de seus pontos de destaque”, diz a presidente executiva, Carolina Negri. “A oportunidade de estar junto já era positiva, mas conseguimos transformá-las em momentos especiais graças ao apoio de nossos associados, que criaram experiências únicas para nossos participantes”, acrescenta. “No final das contas, é disso que trata nosso negócio: de oferecer experiências, distribuir sorrisos e criar memórias afetivas.”

O SINDEPAT Summit contou novamente com a realização de um café institucional, liderado por Murilo Pascoal e Carolina Negri, com exposição do advogado Leonardo Volpatti, relações governamentais da associação. Além de destacar a atuação pela manutenção do PERSE e seus desdobramentos, o evento teve ainda a participação de representantes da IAAPA e da Associação Argentinas de Parques e Atrações (AAPA), com seu vice-presidente Daniel Catzman. Neste ano, a programação incluiu, na manhã do segundo dia, um café de oportunidades em investimentos. “O objetivo foi aproximar destinos que tentam captar investimentos em parques e atrações de possíveis interessados”, explica Carolina. Participaram do evento os destinos Joinville (SC) e Angra dos Reis (RJ).

Pela primeira vez, o SINDEPAT Summit incluiu oficialmente um terceiro dia em sua programação. A sexta-feira (10) foi dedicada às visitas técnicas a algumas das principais atrações de Foz do Iguaçu: o Parque Tecnológico Itaipu, que ofereceu a visita especial, com acesso ao interior da barragem; o Blue Park, parque aquático do Mabu Thermas; a Yup Star Foz, roda-gigante localizada na Tríplice Fronteira; e o Marco das Três Fronteiras, atrativo gerido pelo Grupo Cataratas no ponto de encontro Brasil/Argentina/Paraguai. “Com as visitas, possibilitamos que nossos participantes conheçam de forma diferenciada esses atrativos, com um olhar técnico”, justifica Carolina.

 

SOLIDARIEDADE

A tragédia provocada pelas chuvas no Rio Grande do Sul também foi lembrada em diferentes momentos do SINDEPAT Summit. Murilo Pascoal convidou os participantes a concentrarem doações na Associação de Parques e Atrações Turísticas da Serra Gaúcha (APASG), entidade local que vem acompanhando de perto as urgências e prioridades no socorro às vítimas. “Estamos concentrando as doações na APASG, entidade presidida por nosso conselheiro, Renato Fensterseifer Junior, que ao estar acompanhando de perto os acontecimentos, saberá destinar os recursos da forma mais adequada”, disse.

“Temos uma chave pix que leva os donativos diretamente para a APASG e peço que todos vocês compartilhem nos sites dos parques e atrações, nas redes sociais, essa chave, para termos o maior alcance possível, ampliando os recursos.” Durante o evento, o CEO da rede Mabu Hotéis, Luciano Motta, ofereceu que os almoços realizados no hotel fossem transformados em doações para a APASG, resultando em R$ 40.285,00 em doações durante o SINDEPAT Summit.

 

A 5ª edição do SINDEPAT Summit contou com o apoio gold do Parque Tecnológico Itaipu/Turismo Itaipu; patrocínio silver do Ministério do Turismo e do Grupo Limber; e patrocínio bronze do Blue Park Foz; Doppelmayr; e SpeedKids.

 

 

Para fotos do evento, acesse:

 

0 comentário

Comentários


bottom of page